All for Joomla All for Webmasters
Calçada que gera energia é inaugurada em rua de Londres - Revista Fundações
14082
single,single-post,postid-14082,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,smooth_scroll,,qode-theme-ver-2.2,wpb-js-composer js-comp-ver-4.11.2.1,vc_responsive

Calçada que gera energia é inaugurada em rua de Londres

08:00 10 julho in Matérias, Site
À medida que os pedestres caminham pela calçada, a pressão faz com que os geradores no piso se desloquem verticalmente.

Este texto é do site Ciclo Vivo. A reprodução dele neste site faz parte do clipping diário da editora Rudder

No dia 29 de junho foi inaugurado na Bird Street, em Londres, um novo espaço de compras ao ar livre, que utiliza algumas das novas tecnologias mais inovadoras em sustentabilidade, como a micro geração de energia.

A rua, que antes era aberta para carros, foi fechada apenas para pedestres e funciona como um combinado de showroom com tecnologias sustentáveis e lojas e cafés voltados para o público engajado, que gosta de se alimentar de forma saudável e busca boas práticas de consumo. A mudança no hábito de compras do consumidor foi o que estimulou este novo tipo de comércio de rua, chamado de High Street, que já é tendência no Reino Unido.

Calçada do futuro

A tecnologia que ocupa dez metros quadrados da calçada da Bird Street foi desenvolvida pela empresa Pavegen. O caminho é equipado com uma tecnologia que gera energia quando os pedestres caminham sobre ele. À medida que os pedestres caminham pela calçada, a pressão faz com que os geradores no piso se desloquem verticalmente. A indução eletromagnética cria energia cinética que pode ser usada para alimentar dispositivos. No caso da Bird Street o sistema irá alimentar a iluminação das luminárias em forma de pássaros que decoram as árvores da rua e também alimenta o equipamento de som, que emite sons de pássaros cantando conforme a pessoa caminha.

O sistema tem também outro objetivo além de gerar energia. Cada módulo de piso do sistema é equipado com um transmissor de dados Bluetooth, que captura informações a partir de cada passo. Ao caminhar, o pedestre pode se conectar a um aplicativo móvel da empresa onde cada passo coletado é convertido em moeda digital que pode tanto ser usada como recompensas em programas de fidelidade, como doadas para instituições de caridade.

O sistema também monitora continuamente o fluxo de pessoas,  dando a capacidade de prever horários de pico e locais privilegiados de uma rua ou centro comercial, por exemplo. Ela também monitora o fluxo direcional para fornecer uma análise abrangente dos padrões de movimento. O sistema gera um mapa de calor, mostrando o comportamento do consumidor através da medição da intensidade, do ritmo e do número de pessoas que caminham dentro de uma área designada.

Outras inovações que a rua implementou foi a instalação de bancos fabricados pela ClearAir da Airlabs, que limpam o ar do dióxido de nitrogênio e ainda apresentam um painel com a medição imediata sobre a qualidade do ar do local. As superfícies das lojas em forma de origamis que abrigam cafés e lojas, também foram cobertas com a tinta Airlite, que purifica o ar de gases NOx e bactérias.

Redação CicloVivo

 

 

Calçada em Londres

Editora Rudder

[email protected]